14 de março de 2011


Diferentes formas de Amar em poesias e frases

AMOR FEINHO

Eu quero amor feinho.
Amor feinho não olha um pro outro.
Uma vez encontrado, é igual fé,
não teologa mais.
Duro de forte, o amor feinho é magro, doido por sexo
e filhos tem os quantos haja.
Tudo que não fala, faz.
Planta beijo de três cores ao redor da casa
e saudade roxa e branca,
da comum e da dobrada.
Amor feinho é bom porque não fica velho.
Cuida do essencial; o que brilha nos olhos é o que é:
eu sou homem você é mulher.
Amor feinho não tem ilusão,
o que ele tem é esperança:
eu quero amor feinho.
 (Adélia Prado)

                       ♥  ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥              ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥  ♥  ♥   


                                             Amemos! Quero de amor
Viver no teu coração!
Sofrer e amar essa dor
Que desmaia de paixão!
Na tu’alma, em teus encantos
E na tua palidez
E nos teus ardentes prantos
Suspirar de languidez!

Quero em teus lábio beber
Os teus amores do céu,
Quero em teu seio morrer
No enlevo do seio teu!
Quero viver d’esperança,
Quero tremer e sentir!
Na tua cheirosa trança
        Quero sonhar e dormir!
   
(Álvares de Azevedo)

♥  ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥              ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥  ♥  ♥  
 
ARTE DE AMAR
Se queres sentir a felicidade de amar, esquece a tua alma.
A alma é que estraga o amor.
Só em Deus ela pode encontrar satisfação.
Não noutra alma.
Só em Deus — ou fora do mundo.
As almas são incomunicáveis.
Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.
Porque os corpos se entendem, mas as almas não. 
(Manuel Bandeira

♥  ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥              ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥  ♥  ♥  

Não, já não amo mais os passarinhos
A quem, triste, contei tanto segredo
Nem amo as flores despertadas cedo
Pelo vento orvalhado dos caminhos.

Não amo mais as sombras do arvoredo
Em seu suave entardecer de ninhos
Nem amo receber outros carinhos
E até de amar a vida tenho medo.

Tenho medo de amar o que de cada
Coisa que der resulte empobrecida
A paixão do que se der à coisa amada

E que não sofra por desmerecida
Aquela que me deu tudo na vida
E que de mim só quer amor - mais nada
(Vinicius de Moraes)
 
 
♥  ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥              ♥ ♥  ♥  ♥ ♥  ♥ ♥  ♥  ♥ 
 
Amar cria raiz, sim. Cria, independentemente de ser verbalizado. Basta sentir o amor para que fiquemos dependentes dele, uma dependência boa, daquilo que nos faz sentir vivos.
(Martha Medeiros)
 
O homem não morre quando deixa de viver, mas sim quando deixa de amar.
(Charles Chaplin)

... Amar dói tanto que você fica humilde e olha de verdade para o mundo, mas ao mesmo tempo fica gigante e sente a dor da humanidade inteira. Amar dói tanto que não dói mais, como toda dor que de tão insuportável produz anestesia própria..."
(Tati Bernardi)
 
4

4 comentários:

mila jolie disse...

muito lindo esse post.perfeito...o amor nos inspira amor!!! rs
um lindo dia pra vc..
bjus!

Yohana SanFer disse...

Lindas citações Danila, difícil saber com qual me identifico mais, acho que com a primeira e as duas últimas...adorei teu post memiga! :)

Long Haired Lady disse...

lindo! o amor é sempre poesia!

Anônimo disse...

lindo,lindo este blog..

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...