28 de dezembro de 2012


Conto de fadas Moderno


3

Sempre há uma saída...

Um homem, no limite de suas forças, atentou contra a própria vida com uma arma de fogo.

Ouvindo o tiro, o vizinho entrou naquele apartamento, e ao lado do corpo encontrou uma carta assim escrita:

" Não deu para suportar. Passei a noite toda como um louco pelas ruas. Fui a pé ... não tinha condições nem para dirigir. Perdi meu emprego por injustiça feita contra mim. Nada mais consegui. Ontem telefonaram avisando que minha pequena moradia no campo foi incendiada. Estava ameaçado de perder este apartamento por não ter podido pagar as prestações. Só me restou um carro tão desgastado que nada vale. Afastei-me de todos os meus amigos com vergonha desta humilhante situação. ... e agora, chegando aqui, não encontrei ninguém ... fui abandonado e levaram até minhas melhores roupas! Aquele que me encontrar, faça o que tem que ser feito. Perdão."

O vizinho dirigiu-se ao telefone para chamar a polícia. Quando esta chegou viu que havia recado na secretária eletrônica. Era a voz da mulher do morto:

" Alô! Sou eu! Ligue para a firma! O engano foi reconhecido e você está sendo chamado de volta para a semana que vem! O dono do apartamento disse que tem uma boa proposta para não o perdermos. Estamos na nossa casinha de campo. A história do incêndio era trote! Isso merece uma festa, não merece? Nossos amigos estão vindo para cá.

Um beijo! 
Já coloquei suas melhores roupas no porta malas do seu 
carro. Vem! "


**Por isso, espere. Não se desespere. Sempre há uma solução ou um engano**

Sempre há uma saída...
0

Conselho da Tarde


0

#EuRecomendo: Melancia


Clique na imagem para ler a descrição
0

22 de dezembro de 2012


Uma gravata e uma taça de vinho


Você confia em mim? - Sua voz é ofegante.

Faço que sim com a cabeça, os olhos arregalados, o coração saltando, o sangue latejando nas veias. Ele põe a mão no bolso da calça e tira aquela gravata de seda cinza-prateada...

(...) Com grande agilidade, ele monta em mim, já prendendo os meus pulsos, mas, dessa vez, amarra a outra ponta da gravata numa das colunas da cabeceira da cama. Ele puxa o laço, verificando se está firme. Não posso sair do lugar. Estou presa, literalmente, à minha cama, e estou muito excitada. (...)

- Se você se debater, amarro seus pés também. Se fizer algum barulho, Anastasia, eu a amordaço. Fique quieta. (...)

Ele torna a montar em mim, puxa a minha camiseta, e acho que vai tirá-la, mas a enrola até o meu pescoço e puxa um pouco mais para cima, deixando-me com a boca e o nariz descobertos, mas os olhos tapados. E, como a camiseta está dobrada, não consigo enxergar nada através dela. (...)

- Está com sede, Anastasia? - pergunta, num tom provocante.

- Estou - sussurro, porque de repente fico com a boca seca.
Ouço o gelo tilintando no copo, e ele se inclina e me beija, enchendo minha boca com um líquido delicioso e geladinho. É vinho branco. Aquilo é tão inesperado, tão quente, apesar de estar gelado e os lábios de Christian estarem frios. (...)

Fico tensa. Ele torna a balançar o copo, e me beija, passando para a minha boca uma pedrinha de gelo com um pouco de vinho. Sem pressa, ele vai me dando beijos gelados até chegar ao centro do meu corpo, começando no pescoço, descendo por entre os seios, passando pelo torso até a barriga. Solta um pedacinho de gelo em meu umbigo, numa poça gelada de vinho. Isso faz com que eu me sinta queimando por dentro, por todo o caminho, até lá embaixo. Uau. (...)

Com um dedo, ele abaixa os bojos do meu sutiã um de cada vez, levantando os meus seios, expostos e vulneráveis. Inclinando-se, ele beija e puxa os meus mamilos, um de cada vez, com aqueles lábios gelados. (...)

Ouço o gelo tilintar de novo, e aí o sinto em volta do mamilo direito enquanto ele puxa o esquerdo com os lábios. Gemo, tentando não me mexer. É uma tortura doce e aflitiva.

- Se derramar o vinho, não deixo você gozar.

- Ah... por favor... Christian... Senhor... Por favor.

Ele está me deixando louca. Ouço-o sorrir.
O gelo no meu umbigo está derretendo. Estou para lá de quente - quente e gelada e querendo ele dentro de mim. Agora. Seus dedos frios passeiam devagar pela minha barriga. Minha pele está supersensível, meus quadris arqueiam automaticamente, e o líquido no meu umbigo, agora mais quente, escorre pela minha barriga. Christian mais que depressa o lambe, me beijando, me mordendo de leve, me chupando.

- Anastasia, você se mexeu. O que vou fazer com você?
(...) Seus dedos deslizam para dentro da minha calcinha, e sou recompensada com o gemido ruidoso que ele deixa escapar.

- Ah, Ana - murmura, e enfia dois dedos dentro de mim.
Suspiro.

- Já está pronta para mim tão cedo - diz ele.

Ele fica enfiando e tirando os dedos com uma lentidão tentadora, e levanto os quadris, me apertando contra ele.

- Você é uma garota voraz - adverte ele baixinho, passando o polegar em volta do meu clitóris e depois pressionando-o.
(...) Ele se abaixa e me beija, ainda mexendo os dedos ritmadamente dentro de mim, rodando e pressionando o polegar. Ele me agarra pelo cabelo, impedindo que eu mexa a cabeça. Sua língua imita o que seus dedos fazem. Começo a tensionar as pernas fazendo pressão contra a mão dele. Ele relaxa a mão, obrigando-me a recuar quando já estou quase lá. Faz isso repetidas vezes. É muito frustrante...

Ah, por favor, Christian, grito mentalmente.

- Esse é o seu castigo, tão perto e, no entanto, tão longe. É legal? - sussurra ele no meu ouvido.
Gemo, exausta, esticando a amarra. Estou impotente, perdida num tormento erótico.
- Por favor - imploro, e ele finalmente tem pena de mim. (...)
Ah... meu corpo começa a estremecer. Ele para de novo. (...)
- O que você quer, Anastasia?
- Você... agora - imploro. (...)
Ele retira a mão e pega um envelopinho de papel laminado na mesa de cabeceira. Ajoelha-se entre as minhas pernas, e, bem devagar, tira a minha calcinha, olhando para mim, os olhos brilhando. (...)

"Estou explodindo de tensão sexual. Ele me olha por um instante, avaliando o meu desejo, aí me agarra de repente e me vira."

Isso me pega de surpresa, e, por estar com as mãos atadas, tenho que me apoiar nos cotovelos. Ele empurra meus dois joelhos cama acima, me deixando de quatro, e me dá uma palmada forte. Antes que eu possa reagir, ele me penetra. Grito - por causa da palmada e da súbita investida dele, e gozo na mesma hora e torno a gozar de novo e de novo, desmontando embaixo dele enquanto ele continua a me penetrar deliciosamente.

Ele não para. Estou exausta. Não aguento mais... e ele não para de meter... estou ficando excitada de novo... claro que não... não...

- Goza para mim, Anastasia, de novo - grunhe ele entre dentes, e, incrivelmente, meu corpo responde, estremecendo enquanto tenho outro orgasmo, gritando o nome dele. Torno a me estilhaçar em mil pedaços, e Christian para, finalmente se deixando ir, gozando calado. Ele desaba em cima de mim, ofegando.

~~ 50 Tons de Cinza
0

A falta de alguma coisa que eu não sei o que é.



Eu sempre acho que amanhã será o dia de mudar de vez, de me assumir por completo. Mas daí o amanhã chega e tenho uma imensa preguiça de sair da minha área de conforto, porque é bem provável que ninguém entenda. E dá medo encarar o que é definitivo. E porque é mais fácil reclamar da vida do que torná-la leve de sobreviver.
Hoje eu sinto saudade e nem sei do quê. É uma angústia louca, um misto de vontade de chorar e sorriso leve. Eu não sei citar motivos, mas alguma coisa me falta. Estou ao mesmo tempo feliz e deprimida, tenho companhia e nunca fui tão sozinha, tenho sucesso e nunca me senti tão fracassada.
Eu crio mil planos pra mim e boicoto todos eles. A vida é tão cheia de ciclos e fases e eu me agarro doentiamente ao conhecido. Eu evito mudanças drásticas, sabendo que são meus impulsos mais interessantes e busco o conforto da mesmice. É ridículo, não há surpresas.
Ninguém nunca espera que eu saia dos meus limites. Quem me conhece de verdade? E quem sabe dos momentos que eu estou a ponto de explodir? As saudades são grandes, o telefone mudo. Me identifico com livros e personagens e nem tenho uma história pra contar. E se eu contar, quem vai se importar?
Eu me importo, e muito. Quero marcar mais quem passa por mim, quero perder esse medo de não agradar, essa preocupação em ser o que todos esperam. Tentando não incomodar ninguém eu fico neutra. Invisível. E todas as minhas experiências de falta de preocupação já me indicaram que seria bem melhor me assumir. Eu não sou tímida. Sou calculista.
E essa falta… Na verdade eu sei, mas não queria saber… É falta de mim.

0

Estou cansada de beijo mais ou menos,
Homem mais ou menos,
Vida mais ou menos,
Gostos mais ou menos,
Pessoas mais ou menos,
Amigos mais ou menos,
Atitudes mais ou menos,

Por que será que não posso ter tudo por inteiro?
0

Metamorfose


“O horror será a minha responsabilidade até que se complete a metamorfose e que o horror se transforme em claridade. Não a claridade que nasce de um desejo de beleza e moralismo, como antes mesmo sem saber eu me propunha; mas a claridade natural do que existe, e é essa claridade natural o que me aterroriza.
Embora eu saiba que o horror – o horror sou eu diante das coisas.”

0

Cansada, somente

Depois de algum tempo você cansa de corpos vazios, de beijos avulsos e conquistas na noite. Quer colo, aconchego, alguém que te olhe, observe, preste atenção em você. Precisa ouvir palavras verdadeiras, trilhar planos conjuntos, crescer, amadurecer e construir algo sólido. Você cansa de buscar atenção onde não tem,  ler e ouvir a mesma coisa e se agarrar aquela micharia que mais faz mal do que bem. Você cansa de achar caras iguais, de ter atitudes iguais e ilusões iguais.

Você só quer algo verdadeiro,durável, macio, quente e seguro. Nada mais e nada menos. Só reciprocidade.

~~ Dani Lima
0

24 de agosto de 2012


O sexo tântrico

Meninas, estava aqui curiando na net para por alguma coisa legal aqui quando lembrei de um tema que um dia li numa revista, o "Sexo Tântrico"
Na verdade, eu não conheci direito essa prática, e por isso que minha curiosidade aumentou. Assim como a Kamasutra, o sexo Tântrico foi criado na Índia, cuja a filosofia milenar era cultuar a mulher. O sexo tântrico faz parte disso tudo e a mulher é o coração do tantra, é considerada uma deusa. Para se familiarizar, Shakti é o nome que se dá a energia feminina. Shiva é a polaridade masculina, a consciência que respeita e reverencia Shakti.

Adorei a parte da Deusa, porque eu me considero assim. Alias, considero nós todas como deusas.


O sexo não é praticado com o objetivo final do orgasmo. O interessante é atingir um estado de consciência maior, onde não há separação entre corpo e espírito. Durante o sexo, o casal deve evocar Shakti e Shiva e perceber um ao outro como divindades.

Como o caminho do paraíso para o homem não é ejacular, ele segura a ereção e atinge um tipo de prazer chamado "orgasmo cósmico". A mulher se abre para o prazer e é capaz de ter orgasmos múltiplos enquanto acompanha seu parceiro nesse jogo de autocontrole e concentração. Dizem que atingir o nirvana é inevitável.

Você deve pensar: que coisa maluca! Mas é possível aprender com os ensinamentos do tantra e encarar o sexo tântrico como um manual de exercícios. A relação sexual vira um verdadeiro encontro do amor e não uma relação sem intimidade ou compromisso.


Preparando o ambiente e o corpo

A preparação do ambiente faz parte do ritual: incensos, flores e música dão um toque especial. A iluminação deve ser feita com velas, nunca no escuro. Tome um banho demorado e escolha a roupa pela textura. Não há preocupação nem ansiedade com o desempenho no sexo.

Se você ainda não tem intimidade com o poder da deusa Shakti, imagine essa energia feminina como uma cobra adormecida na base da coluna vertebral. Quando acordada, ela sobe até o alto da cabeça, nutrindo os chacras da coluna, unindo consciência e prazer. Deve-se praticar uma espécie de meditação a dois, um treinamento físico e espiritual para atingir a consciência suprema.

Prepare o sistema nervoso, pratique posturas, respirações, mantras e visualizações. Revigore o corpo para que seja capaz de sentir, de se emocionar e de pulsar por inteiro. Comece a transformar a relação. Só tenha olhos para o seu namorado, caminhe de mãos dadas, beije-o com ternura, troque carícias. Vocês são criaturas sagradas, e o corpo é um templo.

Como pedir ao namorado

Difícil pensar que o seu namorado topa transar com você sem gozar, né? Na verdade, o ato de ejacular e o orgasmo não estão interligados, segundo a filosofia. A sensação de gozo vem do cérebro e a ejaculação é algo físico, é a expulsão do sêmen. É possível, de acordo com a filosofia do sexo tântrico, atingir o orgasmo sem ejacular. Portanto, um dos argumentos é o prazer prolongado e a intimidade que vocês dois podem adquirir juntos. O sexo tântrico é um ritual de dedicação, cuidado. É amar devagarinho. Se vocês se amam, é uma boa maneira de transcender o comum.
2

23 de agosto de 2012


Arte de Sedução: Pompoarismo.

Talvez muitas de vocês não saibam o que é está técnica. Ou outras, já tnham feito, inconscientemente, e não sabiam que tinha nome. Para falar a verdade, eu sempre fazia, me dava prazer, mas não sabia o que era. Depois que li um livro descobri o que era e qual sua finalidade. Indico a técnica por ela ser prazerosa não só para si mesma, mas para o se parceiro também.

O que é o Pompoarismo??


É uma técnica Milenar, passada de mães para as filhas, na Tailândia, cerca de 3000 anos atrás, cujo o objetivo é o conhecimento do próprio corpo e o prazer que isso irá dar em você e em seu parceiro.


“Pompoar” é uma técnica que possibilita desenvolver e explorar, com maior intensidade, a própria satisfação sexual. Bem como permite a auto realização psicológica, emocional e afetiva no âmbito de uma relação a dois. Isto se dá partindo do princípio que a pessoa está feliz e realizada, a chance de fazer o parceiro partilhar desta felicidade na mesma intensidade é muito maior.


Ainda não sabe do que estou falando,né? Essas técnica ajuda você e o seu companheiro a adquirir uma cumplicidade maior, proporcionando um prazer maior e mútuo entre vocês.

Todas as mulheres saudáveis podem apreender essa técnica em poucas horas de um dia. Há necessidade de treinamento, solitário para fortalecimento e agilização do pubococcígeo, (conhecido como músculo do amor), que é o feixe de músculos dentro do qual está o canal vaginal.

Sim, meninas, essa técnica só pode ser usada por nós mulheres. Porque vamos contrair os nossos musculos váginais e também o pênis do nosso companheiro. Mas para que isso seja feito, precisamos exercitar, todos os dias, a região.
  
Você pode fazer sentada no trabalho, no ônibus, em casa, no sofá, contraindo a bexiga e a vagina.
  
 Ninguem irá notar!!! 
  
Calma, calma!! Ainda não entendeu?? Ou não esta conseguindo?? Vou dar uns exercicios para todas fazerem. É simples.
  
Antes de começar devo dizer que, o exércicio de Pompoarismo é recomendado por todos os ginecologistas, ou seja, não é uma prática pecaminosa ou que é para causar vergonha. Não dói. Só vão fortalecer os musculos da região vaginal.
  
  
Dicas
No inicio você pode achar um pouco difícil, mas tenha persistência, pois em breve se tornaram movimentos automáticos e farão parte de sua rotina, como pentear cabelo, escovar os dentes etc, só que mais prazeroso. Então se dedique, com certeza os resultados serão maravilhosos!



Primeira dica

Sugiro antes de iniciar os exercícios do Pompoar procurar um ginecologista de sua confiança e verificar se tudo está perfeito, se tudo estiver em ordem, assim você poderá iniciar os exercícios. 


Segunda dica 
É muito importante que você conheça toda sua vagina sinta cada detalhe observe a reação de cada toque, esse autoconhecimento será de grande ajuda no seu treinamento, pois assim você estará totalmente familiarizada com seu órgão genital e com certeza será mais fácil de sentir cada movimento. 


Terceira dica 

Quando você estiver tomando banho introduza seu dedo na vagina, faça uma contração (aperte) com força, talvez no inicio não sinta a força, mas depois de alguns dias você fazendo isso todos os dias conseguirá sentir uma enorme diferença. 


Exercícios Básicos

Vamos conhecer a musculatura que você irá treinar? Quando for fazer xixi, interrompa-o e depois solte-o totalmente. Faça isto somente para você aprender a identificar essa musculatura e o seu primeiro anel. 

O ideal é praticar estes movimentos diáriamente, pela manhã e à noite. Procure fazer pelo menos 3 séries de 15 repetições para cada um deles. É natural sentir dificuldade nas primeiras tentativas. Não desanime, os resultados positivos aparecerão logo nas primeiras semanas. 



1º Exercício

Sente-se numa cadeira e apoie as mãos nas coxas. Deixe os pés paralelos e distantes 20 centímetros um do outro. Contraia os músculos da vagina como se apertasse algo dentro dela. Conte até três e relaxe. Nos dias seguintes, aumente a contagem gradativamente até chegar a dez. Variação: Contraia e relaxe os músculos rapidamente.


2º Exercício

Recoste-se na cama e deixe as pernas separadas e semiflexionadas. Insira um dos dedos na vagina e tente apertá-lo o máximo que puder. Caso não sinta nenhuma pressão, insira dois dedos. Volte a se exercitar com um dedo quando a musculatura estiver mais treinada.Variação: Tente sugar o dedo com a vagina. Conte até três antes de relaxar.



3º Exercício

Deite-se num colchonete e deixe relaxados os braços ao longo do corpo. Flexione as pernas. Essa é a posição inicial. Eleve o quadril e o dorso e fique apoiada apenas sobre os ombros e pés. Ao elevar o quadril, contraia os glúteos. Variação: Na posição inicial, contraia o ânus em três tempos, sem relaxar: primeiro levemente, em seguida mais forte e depois com toda a intensidade que conseguir. Fique assim e agora contraia também a vagina, como se segurasse alguma coisa com ela. Conte até três e solte os músculos devagar: primeiro os da vagina, depois os do ânus.





Benefícios

Ajuda na prevenção de problemas com a musculatura da pélvis.
Evita cirurgias de períneo, e corretiva de incontinência urinária.
Evita a flacidez, e faz com que os músculos fiquem bem fortes, assim o homem sente mais o órgão da mulher e vise versa.
Dependendo de cada organismo, diminui a cólica menstrual, em alguns casos elimina totalmente.
Com o fortalecimento dos músculos, evita-se a queda do útero e da bexiga.
Com o fortalecimento e controle dos músculos a mulher passa a dominar totalmente a técnica, assim ela passa a ser uma Pompoarista, e no parto normal consegue com mais facilidade expelir o bebê , tornando o parto mais rápido, claro quando não há qualquer problema.


A Pompoarista proporciona e sente muito mais prazer, pois além da musculatura ficar mais forte o órgão fica mas sensível , e os orgasmos mais intensos! 

  


Além destes há outros benefícios intangíveis tais como: 


Quando a mulher se torna uma Pompoarista, ela fica muito mais segura de si, e tem sua auto-estima elevada. 
A Pompoarista proporciona e sente muito mais prazer sexual, melhorando o relacionamento do casal.  
É comum desencadear nas Pompoaristas um processos de mudanças para melhor tais como mudar a maneira de andar, olhar, se vestir, enfim passam a se cuidarem melhor. Tudo isso decorrente da elevação da sua auto-estima e do carinho e respeito recebidos do parceiro.


Então, Deusas, Vamos nos exercitar!!!

1

7 de julho de 2012


Mulher Frígida: Problema dela ou dele?



Conversando com algumas amigas agora no meu grupo sobre homens que gostam de taxar mulheres, que não sentem prazer com eles na cama, de frigidas. Mas será que eles não pararam para pensar que talvez o problema seja justamente eles???
Sempre é a culpa da mulher, né? Ela não geme, não "goza", não tem orgasmo, finge, mas por que será?
Nem sempre é por causa de baixo libido ou problemas psicológicos - apesar que isso afeta muito a mulher e sua performance na cama e fora dela - mas será, homens, que você não pensam que talvez seja vocês que não sabem despertar todo o desejo reprimido dentro da mulher e só concentram-se em si próprios? 

A mulher é muita mais fácil desconcentrar na hora do rala-e-rola, qualquer coisa a gente já perde o foco e se o homem só pensa que na cama deve rolar um sexo oral básiquinho, aquele meia-boca, achando que já faz a parte dele e já parte para uma penetração, está enganado. A mulher precisa de um envolvimento maior, preliminares, besteiras ao pé do ouvido, elogios, ser amada, explorada e também que você a ouça e a deixa à vontade.
Se tiver algum homem olhando e lendo essa postagem, vai achar muita complicação e exagero, mas como sei que a mulherada vai concordar com isso e sei também que um sexo meia-boca é motivo de chacota entre mulheres ou nem isso, fica guardado mesmo, remoído várias vezes na cabeça da mulher, que muitas vezes, pode achar que é problema nela e isenta a culpa do infeliz.

Mas, calma lá: claro que existe vários outros fatores para a mulher não se sentir cheia de apetite carnal. Nós somos as que carregam mais energia negativa, e por isso, estressante. é trabalho, é estudo, marido, casa, filhos e tudo misturado e isso pode interferir no corpo e psicológico. Mas, nada que uma conversa entre o casal não resolva. E se por acaso, não resolver, procure um ajuda profissional( no caso médica, e não profissionais no ramo de diversão e putaria)

Então, meninos ou Homens, nem sempre uma mulher é frigida só porque não estão delirando de prazer por vocês. Talvez a frigidez esteja em vocês que não percebem isso e sai traindo e difamando a mulher para os amigos, isentando uma culpa que pode ser sua.


Danila Lima
https://www.facebook.com/IndependentementeMulher
6

23 de junho de 2012


Nunca tive sorte de um amor tranquilo



Acho que nunca tive sorte com amores tranquilos e com sabor de fruta mordida, nem tinha uma rede para ter um embalo gostoso, eu só matava a minha sede na saliva, mas morria de sede nos outros dias. Não sei se fui pão, mas posso ter sido vista como comida...
Mas sempre desejei Todo amor que houver nessa vida e algum trocado pra dar garantia.


~~ Danila Lima
0

4 de junho de 2012


Ontem conversando com uma amiga:


Amiga: Bom vou me deitar e olhar um filme de cortar os pulsos, estou precisando das uma chorada. Vou olhar 2 filmes sem final feliz que os casais não ficam juntos, assim como eu!!

Eu: Amiga, para de se torturar por isso. Sei que ruim demais e a gente fica mendigando qualquer migalha que o outro possa dar e sofre quando vê que ele não lembrou de dar um simples "oi", mas vive na esperança que ele volte atrás e perceba o erro. Uma grande ilusão. Se ele quisesse já teria voltado, ligado e dado sinal de fumaça. Eu sei que dói demais e a gente se segura nesse fio de esperança chamado "talvez", só que a gente fica mais magoadas, mais tristes, mais depressivas... Amiga, não vive em função de um "oi" que ele possa te dar e de um "talvez". Tá na hora de deixá-lo ir. Exclua ele do face. Quem sabe isso pode ser ótimo para sua vida.

Amiga: Obrigado pelas palavras Dani , no fundo eu sei que já deveria ter excluído ele de tudo, só não tive coragem ainda, mais acho que é o próximo passo que vou dá.

Eu: E o pior que você se rebaixa para ele toda vez que escreve o quanto sente falta e que não pode viver sem ele. Ele sabe tudo isso e mais, vai correr de você. Homem odeia mukher insegura, chorosa e deprimida, mas odeia mais, quando essa mulher dá a volta por cima, quando não precisa mais choramigar por ele e não precisa dele.

Ele não vai estar nem aí para essas indiretas e não vai voltar pra você por causa desses desabafos. Isso pode fazê-lo se afastar mais e ainda te achar deprimente.

Se bate a saudade, então que assista um filme, ou que fique entre você. É melhor. E sua imagem perante a ele e os demais não fica desgastada. Sei que são palavras cruéis, mas foi assim que aprendi sobre essas coisas porque passei por elas e hoje posso dizer que quão tola fui. Mas, graças a ajuda de um amigo, pude abrir os olhos para muitas coisas.

Enquanto você o ter na sua vida, vai ter esses rompantes. Mulher, você vive sim, sem homem, sem ele. Só que ainda não entendeu isso e prefere chorar por perdas. Um Mulherão desses correndo atrás e se diminuindo por um borra botas que não te quer, um sem noção... Isso que você faz o fortalece, sabia?

Exclua da sua vida, do seu face, do seu celular... E vá viver Mulher. Eu só te vejo ser "inha" e sofrer por alguém que, pode ter certeza, não vale as lágrimas que você deixa cair por ele. Amiga, a vida tá aí, correndo solta pelos seus olhos e você deixando tantas oportunidades passarem porque não quer deixar o fulaninho sair, porque ainda acha que ele vai voltar e dizer que ainda a ama e que sente falta de você. Se ele sentisse, já teria voltado faz tempo. Ou quem sabe, ele a vê sempre ali, se deprimindo por ele e já enche o Ego. Flor, o ser humano - não digo todos- sentem prazer em esnobar a pessoa que gosta dele. É algo que enaltece e infla o ego. Não dê esse gostinho a ele.
1

Quer dizer que você gosta de falar mal da sexualidade do outro e diz que é pecado...

Então, me conta como é seguir todos os mandamentos da bíblia e ser uma santa?
0

Eu tenho celulite e daí?



"Gordinha? Sou. Mas e daí? Tenho celulite, mas tenho caráter. Conheço muita mulher que é seca, esquálida, e não tem um pingo de caráter. Minha celulite não mede nada"

Preta Gil

*Um tapa na cara dessa gente que mede caráter das pessoas pelas medidas dela, pela roupa que ela veste, pelo status, pela cor e pela sexualidade* ( Dani Lima)




Grazi Massafera: “Não estou nem aí. Quem não tem ainda vai ter. Faz parte do corpo feminino". Eu tenho Celulite". É fácil assumir quando não se tem nenhuma, né? 

Isis Valverde: "Eu não estou nem aí para a celulite. Como doce, açúcar, chocolate. Mas, em contrapartida, sou superativa, gosto de malhar e acho que isso ajuda a prevenir. Faça o que for para evitar recorrer a tratamentos de beleza com agulhas. Odeio agulha!", disse. 

Carolina Dieckmann: "Celulite é uma coisa que toda mulher tem e não me incomodo com as minhas. Como elas só ficam atrás e não as vejo, não me importo", contou à revista "Marie Claire".

Samara Felippo: “Essa corrida para ser perfeita é desgastante. Toda mulher tem celulite e, se não tem, ainda terá. E isso não faz a gente ser menos mulher", disse à revista "Nova".

Ivete Sangalo: "Sou pouquíssimo vaidosa. Tenho celulite, mas todo mundo tem!", revelou à "Contigo".

Juliana Paes: “Acho supernormal ter celulite. O patrulhamento que existe é feminino. Homem que é homem mesmo não repara muito.”

Ingrid Guimarães: “Ela deveria ser uma licença poética do sexo feminino. Mulheres que assumem que têm são aquelas que dão à vida uma importância um pouco mais profunda"
1

3 de junho de 2012


A mulher precisa se sentir amada



A mulher precisa se sentir amada e não é só falando "Eu te amo" que vai fazê-la se sentir assim. Ela precisa olhar nos olhos do outro, ver a reação que provoca quando ele está perto dela, do beijo, das palavras ao pé do ouvido e os elogios sinceros que não só são transmitidos pela boca, mas pelos olhos também. 
A mulher precisa se sentir bem para se sentir amada.
Ela quer ser especial, quer ser essencial, quer que ele precise dela, quer que ele pergunte como foi seu dia, que tenha interesse em saber sobre sua vida e se está triste ou feliz.
A mulher precisa se sentir desejada pelo o homem que diz que a ama, mas que não faz nada para conquistá-la.
O amor tem que ser alimentado todos os dias com pequenas coisas, sem elas não resistirá. Será mais um que morreu antes de completar o seu ciclo.

Fica uma dica para aqueles(as) que não acreditam nessas coisas, e acham "melosas" demais. Uma pena, são essas pequenas coisas que podem mudar duas vidas, e não digo para sempre, mas até enquanto durar. Mas será uma duração muito mais intensa e saborosa, não acha? 

Dani Lima
2

6 de abril de 2012


Não tem como programar o Sentir

Nunca dará para saber por quem irá se apaixonar e quem vai sentir o mesmo que você. 
Não tem como saber se ela irá retribuir, sentirá sua falta, pensará em você quando estiver longe, mandará um sms de surpresa na madrugada...
Na verdade, não escolhemos a quem vamos depositar o sentir, tudo acontece sem planejarmos.
 Não sabemos o roteiro da nossa vida,somos atores do improviso.
4

5 de abril de 2012


Ironias do Amor



Olá, meninas, acabei de assistir um filme que super recomendo, além de ser romântico, ele traz uma mensagem muito linda:

**Ironias do Amor**

Conta a história de dois jovens, Jordan e Charlie, que não tem nada a ver um com o outro, mas que se completam. Ele a salva da morte e ela, do jeito dela, o salva também.
Não vou contar mais sobre eles, até porque não quero que vocês percam a graça do filme e todo o seu jeito especial de ser.
Mas ele conta sobre destino, amizade, perda, perdão, recomeço, amor...e Destino, novamente.

O que é destino?
"O destino é uma ponte que você constrói até a pessoa amada."


Trecho da carta de Charlie para Jordan

" Se a gente estiver junto ou não, você sempre vai ser a mulher da minha vida.
O único homem que eu vou sempre invejar será aquele que tem o seu coração, porque eu sempre acreditarei que é o meu destino ser este homem.
se agente nunca mais se ver de novo e você estiver por aí andando e sentir uma certa presença ao seu lado, serei eu , te amando a onde quer que esteja."
0

12 de março de 2012


Querida, preciso desabafar...

Meninas, escrevi um desabafo para uma conhecida que está com dor de cotovelo por causa de um cara que está afim de mim. Ela veio humilhá-lo para mim, disse coisas absurdas sobre ele, entre elas, que ele é pobre, que pede para rachar a conta e não tem carro. Claro que quis fazer minha cabeça para feri-lo.

Então, essa foi a minha resposta para a Recalcada:

Querida, preciso desabafar...

Adoro homens que não são cheio de grana, até porque aqueles que o são, geralmente, não valoriza a mulher que está ao lado dele, trata-a como objeto.
Gosto de pagar a conta, alias, dividi-la, assim posso mostrar um pouco da minha independência. Não acho justo deixá-la ser paga por inteiro pelo homem, me sinto mal.
Gosto de atenção, respeito, carinho e cumplicidade. Se ele tiver essas qualidades, não me interessa saber a sua conta bancária, se ele tem carro ou não, se anda a pé, de ônibus ou de metro. Gosto de valorizar a pessoa que tenho do meu lado, assim como gosto de ser valorizada também.
Adoro inovar na cama. Pasme! Sou uma pessoa sedutora e não preciso de subterfúgios para atrair alguém. A minha sedução vem de dentro pra fora e não ao contrário.
E, sei quando é hora de cair fora. Não me rebaixo. Também não humilho as pessoas só por interesses próprios. Meu caráter é um dos melhores...Tenho mil defeitos, não sou perfeita, mas tudo que conquisto guardo e tudo aquilo que sobra, eu jogo fora.
Sou Mulher com M grandão. Imatura, ás vezes, mas aprendendo com a vida.
Não passo por cima das pessoas. talvez seja por isso que elas gostam de mim.
Espero que você aprenda isso na vida.

Obrigada pelo "abrir de olhos". Realmente, agora enxergo muito bem

Beijos
1

3 de março de 2012


Joan Jett - I Hate Myself For Loving You


Muito bom esse video. Ótimo para um Striptease vestida para Matar.

0

19 de janeiro de 2012


Amar... será que amamos mesmo?

"Por milhares de anos, nos disseram que o amor é maravilhoso. A maioria das pessoas acredita que ser amado é uma sensação maravilhosa. E é. mas, antes de você conhecer " o amor", é preciso amar. Quando se ama, você recebe mais do que a sensação de ser amado. O apóstolo João disse: " Amai-vos uns aos outros, porque o amor é Deus. E todos os que amam nasceram de Deus e conhecem Deus. Os que não amam nada sabem de Deus, pois Deus é amor."

Muitas vezes, pedimos para sermos amadas, que buscamos alguém ideal, que nos dê conforto, segurança, amor e felicidade e ficamos frustadas em descobrir que não existe esse tipo idealizado. Ontem, no meeio da noite, ao ler esse trecho de um livro que comprei, fiquei analisando o que ele significava para tentar entendê-lo mais a fundo.

Quando buscamos algo em uma pessoa, ou situação, ou até mesmo em um animal de estimação, procuramos algo que nos preencha, que nos ame e dê atenção. Mas esquecemos que para poder sermos amadas precisamos estar preenchidas de amor também. Como buscar algo se não estamos preparadas para dar?

Para podermos enxergar amor temos que sentir amor nas coisas e aceitar a individualidade de cada um. Cada pessoa é diferente, tem pensamentos diferentes, personalidades diferentes e agem diferente de você. E muitas vezes, uma relação acaba porque não aceitamos que a tal pessoal não é o ideial que formulamos na nossa cabeça, ficamos frustadas, além de nos sentirmos pessimas e com raiva e esteriotipamos todo o resto da população.

Nem sempre estamos com a razão e nem sempre somos vitimas. Isso é algo que tenho que mudar porque, por mais que eu tenha melhorado, ainda a minha palavra prevalece e meu senso de estar certa também. Mas quem é o certo nessa historia?

É preciso sermos sincera com nos mesmas e com nossos defeitos e de como lidamos com o papel de carrasca na história. Afinal, nem sempre é bom admitir também que errou e que passou dos limites. Que é humana como todo mundo e que também tem seus pecados, né?

Para entrarmos em algo novo, que buscamos com afinco e queremos para nossa vida, devemos ser sinceras em tudo e além de desejar, verdadeiramente, aquilo que almeja, pois quando estamos incertas acabamos deixando pensamentos pertubadores e negativos atrapalhar nossas vidas. Entrar em algo com uma segurança que não se tem, só por capricho, acaba destruindo tudo aquilo que começou ou que você quer.

Não há como mudar uma pessoa só porque você quer. Tente entender isso. Não dá para mudar o coração delas se forem pressionadas, ou fazer joguinhos. Isso acaba magoando mais e trazendo mais coisas negativas para sua vida e a vida da pessoa. Em vez de aproximar, afasta. Temos que admitir que também somos errantes, que precisamos mudar. Que o outro lado também analisa você e nem sempre o que ele vê é o que você pensa de si mesma. Será que gostaria que o outro tentasse mudá-la também??

Amar o próximo...
Algo que tanto procuramos mas que não fazemos. É muito dificil amar o próximo quando esse tem defeitos, comete erros ou que faz parte de um circulo que não pertence. É muito dificil amar o diferente...

Você pode me dizer que ama o proximo, que não é tão egoista assim, mas de fato ama mesmo? "Será que desejamos a paz aos que estão à nossa volta?" " Será que desejamos mesmo que a pessoa seja feliz, que ame??" "Ou seria melhor resguardar nosso coração e permanecer em posição de julgar e de estar sempre com a razão"?

Vou deixá-las com essas perguntas para serem feitas por vocês para vocês mesmas, assim como eu fiz para mim ontem à noite. Ainda etsou refletindo sobre isso e chegando em alguns lugares remotos e que podem me causar uma certa dor e até um pouco de vergonha.

Mas tentar sempre é bom, mesmo em passos lentos. Eu sei que vou conseguir respostas para tentar mudar o rumo da minha vida.

Dani Lima


**trecho tirado do livro " Não leve a vida tão a sério"*
*
0

13 de janeiro de 2012


O preconceito não acabou, ele apenas está camuflado

Americano coloca placa em piscina pública proibindo presença de negros

Locador disse que menina usava produto no cabelo que deixava água turva. Comissão de direitos civis considerou ato de Jamie Hein preconceituoso.


Fonte: Globo
----------------------------------------------------------------------------------------------
Nota da dona do blog:

Depois dizem que ainda somo civilizados e que o preconceito diminuiu muito durantes os séculos. A questão é que as pessoas escondem seus preconceitos camuflando-os em aceitação e uma fingida aparência. Isso não é só com negros, mas com mulheres, deficientes, etnia, status e etc. Como por exemplos, 1°- Uma pessoa diz que não é contra homossexuais,mantem amizades com vários deles, mas fala abertamente que não gostaria que seu filho fosse um e se fosse, seria um desgosto; 2° - Quando uma pessoa vê outra se vestindo de forma brega para os seus padrões de moda, chama-o de Baiano;3° - Quando uma mulher dá uma fechada no trânsito, tem sempre um motorista que grita "Tinha que ser mulher mesmo. Volta para o fogão", sendo que muitas das inflações acontecidas no trânsito são ocasionadas por homens.
O fato é que a sociedade é preconceituosa com tudo o que é diferente dela, do que ela pensa, age, e vive. O que é fora do seu padrão, cultura é julgado.
O papa recentemente disse que é necessário preservar a humanidade quando vetou o casamento gay. Mas ele esqueceu de analisar que a sociedade esqueceu o que é humanidade já faz muito tempo.

Dani Lima.
1

9 de janeiro de 2012


Não é tão simples assim

Nada é tão simples assim como parece, como falam os livros de auto-ajuda.
Ás vezes, fico pensando se o cara/Mulher que escreve esse tipo de livro é totalmente de bem com a vida, não sofre, ganha rios de dinheiro ou sempre pensa positivo. Fico pensando na vida dele(a) chata, sem emoção, parada, porque, se você parar para pensar, viver sem emoções não ensina você a viver, a buscar seus limites; não 
tira lição, não aprende, não fica forte para prosseguir...
Pode ser porque estamos sempre em busca da perfeição ou de palavras de conforto para tentar dar um sentido para uma vida que não anda tão legal assim. Buscamos em livros respostas e tentamos, sem sucesso, seguir o que eles tanto nos mostram e na maioria das vezes, acabamos insatisfeitos também.
Esses livros nos enganam, só pode. Não existe perfeição, não dá para ser sempre feliz, como não tem receita para driblar todos os problemas que irão surgir.
Algumas coisas desses livros dá para tirar como algo que você pode tentar mudar em sua vida, mas tentar segui-los estará dando as costas para todo o resto. E, para ser bem clara, duvido quem os escreveu vive aquilo tudo que cita.
Se quer se auto-ajudar, então comece olhando-se no espelho, olhe dentro dos seus olhos e lá achará a resposta para todos as suas dúvidas.
A única pessoa que pode ajudar é você mesma.


Dani Lima
0

Cansei de Ficar

Minhas amigas vivem me dizendo porque não curto minha vida de solteira já que sempre há alguém querendo ficar comigo.
O problema estar em "Ficar". Não gosto de ficar com um cara por ficar e nem ser forçada a ficar porque ele está afim de mim ou porque ele é um cara legal.
Sei que caras legais você encontra muitos por aí. Mas o que procuro não é um cara legal. Procuro alguém especial que saiba que 
sou alguém especial e não uma das muitas que você encontra numa noite, beija, amassa, chama para sair de vez enquando e deixa claro que só quer curtir.
Se eu me acho especial, me valorizo e sei que não estou procurando esse tipo de curtição porque "cargas d'água" vou ficar beijando por aí só por beijar e só para satisfazer alguém e ser taxada de igual ao resto que está por aí a curtir??
Acho que ser solteira não engloba isso. Cada uma vive a sua solteirece da forma que lhe convir, mas sabendo que nem todas gostam de trocar salivas por aí.
Já vivi isso, já fiquei, já sai, e já me disseram que só queria curtir e para falar a verdade, depois compreendi que isso tudo não é a minha praia. Essa casualidade, essa troca de beijos sem compromisso, sem emoção.
Antigamente, eu podia dizer que seria a idade chegando, mas hoje, analisando melhor, tenho que ser franca: Cansei disso.
Vai chegar um momento que tudo que é demais ou de menos, cansa. E pra mim, já deu o que tinha que dá.
Perdeu o gosto assim como aquele chiclete que foi mastigado, ficou duro, perdeu a cor e o sabor. E você o gruda em qualquer lugar e o esquece.
Talvez, um dia ele grude no seu sapato, mas quer saber, nesse momento, eu não me preocupo nenhum pouco.

Dani Lima
0
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...